Quer saber como tirar print da tela com seu Galaxy J5 Pro? Veja o passo a passo logo a seguir:

Passo 1: Mantenha pressionado os botões de início e de volume (-) ao mesmo tempo. Você deve manter os botões pressionados por alguns segundos até que uma animação surja na tela e um som de clique seja emitido. São esses sinais que indicam que a captura foi feita.

Passo 2: Depois de fazer o print, o J5 Pro permite que você execute algumas ações diretamente por meio das notificações. Por exemplo, você pode tocar em Editar para trabalhar a imagem no editor de fotos do aparelho.

Passo 3: Ao tocar na opção Decoração você poderá ver diversas opções de modificação. É possível incluir adesivos, novas fotos, capas e etiquetas para personalizar o print a sua maneira.

Passo 4: Se quiser enviar o print para apps use a opção compartilhamento do aplicativo em questão.

Aproveite e conheça também o Galaxy J5 Prime

Veja todos os posts sobre a Samsung aqui.

O dispositivo intermediário foi anunciado na segunda metade do mês de junho pelo preço sugerido de R$999. Com isso, a marca tem mais um aparelho dentro do maior segmento, em termos de consumo, do mercado brasileiro. A novidade tem uma boa evolução se comparada com o modelo do ano passado e chega com o corpo integralmente em metal.

GALAXY J5 PRIME

Em linhas gerais temos aqui um aparelho elegante e confortável para pegar. Além disso, ele é relativamente leve. O novo visual passa uma imagem de um dispositivo mais sofisticado.

Para poder construir um dispositivo todo em metal, o pessoal da Sammy decidiu abrir mão da tampa traseira assim como da bateria removível. Ou seja, o consumidor que adquirir um J5 Prime, querendo ou não, terá que aprender a conviver com uma bateria de 2.400 mAh.

De acordo com alguns especialistas da marca a decisão de fazer isso foi bem pensada. Isso porque já que ele é todo de metal (alumínio) a tampa traseira acabaria sendo danificada com relativa facilidade. De qualquer forma, quem não curte aparelhos com bateria fixa esse ponto vai desagradar.

Para termos uma visão melhor sobre este aparelho podemos compará-lo com o Moto G5, o principal concorrente do lançamento da Samsung. Neste caso, a bateria tem uma capacidade de 2.800 mAh. É maior, mas vale lembrar que no G5 tela é de 5,2 polegadas.

E por falar em tela, a  Samsung resolveu diminuir o tamanho do display. No J5 Metal (2016) o aparelho contava com uma tela de 5,2 polegadas. O J5 Prime, deste ano, temos uma de 5 polegadas. De fato não temos aqui nada de significativo em termos de diferença. Ainda assim, para quem compara os detalhes, o recado foi passado.

Segundo a marca, as telas com 5 polegadas também são as mais procuradas pelos consumidores brasileiros. Isso por si só já justificaria a mudança. A questão que fica é que poderiam ter diminuído as bordas do aparelho e deixado a tela tal como foi feito com o Galaxy S8 2017.

Ainda sobre a tela vamos encontrar resolução HD (1280×720), apesar de ter uma iluminação alta ela peca na vivacidade das cores. E claro, deixa a desejar na qualidade e suporte a formatos de vídeo.

A câmera principal traz 13 megapixels. Há algumas deficiências nas fotos como a falta de cores vivas, por exemplo. Mas isso até que é compreensível uma vez que temos aqui um dispositivo intermediário e sendo assim, os componentes são mais simples.

A câmera frontal de 5 megapixels também é deficiente entregando fotos lavadas e em muitos casos, tremidas.

No J5 Prime temos o Android 6 o que é estranho já que ele está aí a mais de um ano. Os sul-coreanos poderiam ter optado pelo Android 7. É interessante observar que não há aquela quantidade absurda de aplicativos já instalados de fábrica e que acabavam ocupando uma boa parte do armazenamento dos dispositivos.

No mais, o Android aqui funciona tranquilo, sem engasgos. Algumas poucas alterações foram feitas pela Samsung, porém nada que tire a classe.

Temos ainda 2GB de memória RAM. O que sem dúvida alguma não é algo agradável nos dias atuais.

Galaxy J5 Prime já está sendo oferecido nas lojas brasileiras pelo preço de R$999. O que não é pouco nem muito para um dispositivo com um hardware atualizado, um visual mais trabalhado e uma câmera discreta. Veja mais no site da Samsung.